quarta-feira, 14 de maio de 2014

Dia de Pintura

Hoje, foi dia de matar saudades das tintas. Selecionei umas mandalas em MDF, escolhi umas cores e me entreguei. Giulia, sempre muito companheira, pediu para fazer também.

Em alguns dias, depois de uns retoques, elas estarão prontas para enfeitar a parede de alguém... as da Giulia vão ficar conosco, harmonizando um cantinho bem especial...



A propósito, mandala é uma palavra em sânscrito que significa círculo. Seu uso mais antigo remonta ao século VII a.e.c como instrumento de concentração e para atingir estados superiores de meditação (sobretudo no Tibete e no budismo japonês).

Carl Jung descreve as mandalas como quadros representativos ideais ou personificações ideais que se manifestam nos tratamentos psicoterapêuticos, interpretando-as como símbolos da personalidade no processo da individualização.






Pelo Mundo