quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

SÁLVIA


Salvia officinalis

Em muitas culturas antigas, Fevereiro era o mês da renovação. Para os etruscos, por exemplo, Fevereiro era "regido" pelo deus Februus, deus da morte e purificação.

Aproveitando essa energia, a planta escolhida para ser "a planta do mês" do Jardim do Empório foi a sálvia.


A sálvia é um pequeno arbusto com altura em torno de 50 centímetros. Acredita-se ser nativa da região do Mediterrâneo, mas atualmente é cultivada em várias regiões do mundo, mais para fins culinários do que medicinais. A sálvia possui um odor forte e perfumado, por isso, é muito utilizado na culinária.

Possui propriedades anti-sépticas, comumente, a sálvia é utilizada como gargarejo para tratar de problemas bucais como dor de dente, sangramento na gengiva e dor de garganta. Chá de sálvia também é recomendado para febres e problemas digestivos.

Um provérbio que permaneceu célebre por muito tempo na Idade Média demonstrava o caráter especial da sálvia: "Por que morre um homem em cujo jardim cresce a sálvia?". Ele teria sido dito por um médico da conceituada Escola de Salerno.

A sálvia sempre foi considerada um excelente remédio. Seu nome vem do latim "salvus", intacto, em boa saúde. Além de manter a vida, ela se encarrega de reproduzi-la. Seu suco era oferecido às mulheres para que se tornassem férteis; esse hábito permaneceu em Roma, onde era afirmado que "a sálvia retinha o que fora concebido e o fortificava".

Para os romanos, era uma erva sagrada e só se podia colher a sálvia após se lavar, purificar e vestir uma túnica branca, com os pés descalços e depois de ter oferecido um sacrifício aos deuses. Os druidas gauleses lhe atribuíam nada menos do que o poder de ressuscitar os mortos. Essa crença perdurou até o século XII, quando aparecia no Flos Medicinae de Salerno (também conhecido como Regimen Sanitatis Salernitanum) como uma erva útil para prever o futuro e comunicar-se com o outro mundo.

A sálvia era utilizada para garantir a vida longa. Isto era assegurado comendo um pouco da planta todos os dias (ou pelo menos em Maio).

"He who would live for aye

Must eat sage in May"

Proporciona soluções de problemas ou dificuldades, clareia a mente e traz sabedoria.

Existem algumas superstições quanto ao plantio da sálvia. Dizem que plantar sálvia no seu próprio jardim traz azar; uma outra pessoa deve fazer o trabalho. E mais: não é bom ter um canteiro exclusivo para a sálvia; outras plantas tem que estar presentes no mesmo espaço.

Um lembrete: sapos são atraídos por seu perfume.


Pelo Mundo